O Livro Perdido De Enki Parte 01

Enki era uma divindade da mitologia suméria, conhecido mais tarde como Ea ou Eaxarru na acadiana e babilônica. Era o deus da água doce primordial, sabedoria e criação e foi cultuado desde ca. 3 500 até 1 750 a.C. como Enqui e de ca. 1 900 até 200 a.C. como Ea.


Seu templo era a casa de Apsu ou Eengurra em Eridu, mas essa informação só é conhecida através de inferências literárias. No tempo do Império Neobabilônico (626–539 a.C.), sua popularidade diminuiu e tornar-se-ia pai de Marduque.


Foi registrado em placas, esculturas, estelas votivas e glípticos e em textos cuneiformes como Enuma Elixe, Epopeia de Gilgamexe e Nergal e Eresquigal, Atrahasis, Enqui e a Ordem do Mundo, hinos templários, etc. Isimude era seu mensageiro.

Clique no play


O Livro Perdido De Enki Parte 01


Recomendo Assistir todos os Filmes e

Documentários em Tela maior (Desktop, Notebook ou Tablet)


Relação Genealógica


Enqui era filho de Anu e Namu e, segundo uma versão, irmão gêmeo de Iscur. Era esposo de Damquina, que gerou Marduque, e Ningicuga, que gerou Ningal.


Ainda engravidou Ninursague, que gerou Ninxar. Depois engravidou Ninxar, que gerou Nincurra, e Nincurra, que gerou Utu e Ninima; noutra versão Enqui engravidou Ninma e gerou Utu.


Ele ainda teve ao menos outros dois filhos, Nanxe e Assalua, e diz-se que Abu nasceu de sua cabeça.


O Livro Perdido De Enki Parte 01
O Livro Perdido De Enki Parte 01

Características


Selo cilíndrico assírio do fim do III milênio a.C. com representação de Enqui. Tiamate num selo cilíndrico babilônico.


Como deus da água doce, em sua capacidade de nutrir a terra, Enqui era uma das principais divindades sumérias, mas se pensa que teve uma entrada tardia no panteão.


Geralmente era representado como uma figura em chifres típicos, cocar e saia em camadas com dois fluxos de água (Tigre e Eufrates) saltando dos ombros ou de um vaso e peixes saltando.


Ainda podia segurar o pássaro Indugude (trovão), significando nuvens subindo das águas. Seu pé podia repousar num íbex.


Recomendo assistir também CliqueAqui


Fonte Texto.: Wikipédia

Fonte Vídeo.: Canal Leitura Digital

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo